CBD e Alzheimer

CBD e Alzheimer

Mar 05, 2024Tabu CBD

A doença de Alzheimer é uma doença neurodegenerativa progressiva que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Apesar dos avanços na pesquisa, ainda não há cura para essa doença devastadora. No entanto, o canabidiol (CBD), um composto natural encontrado na planta Cannabis sativa, tem se mostrado promissor como um possível tratamento para o Alzheimer.

Propriedades do CBD:

O CBD possui diversas propriedades que podem ser benéficas para pessoas com Alzheimer, incluindo:

  • Propriedades anti-inflamatórias: A inflamação cerebral é um fator importante na progressão da doença de Alzheimer. O CBD pode ajudar a reduzir a inflamação e proteger as células cerebrais.
  • Propriedades antioxidantes: O estresse oxidativo também contribui para a degeneração neuronal no Alzheimer. O CBD pode ajudar a combater o stress oxidativo e proteger as células cerebrais dos danos.
  • Propriedades neuroprotetoras: O CBD pode ajudar a proteger as células cerebrais da morte e promover a regeneração neuronal.
  • Propriedades ansiolíticas e antidepressivas: O CBD pode ajudar a reduzir a ansiedade e a depressão, que são sintomas comuns da doença de Alzheimer.

Estudos científicos e ensaios clínicos:

Embora ainda sejam necessários mais estudos, os resultados de pesquisas preliminares sobre o CBD e o Alzheimer são encorajadores.

  • Um estudo publicado no "Journal of Alzheimer's Disease" em 2016 descobriu que o CBD pode ajudar a reduzir a inflamação e melhorar a função cognitiva em camundongos com Alzheimer.
  • Outro estudo publicado no "Journal of Alzheimer's Disease" em 2019 descobriu que o CBD pode ajudar a reduzir a formação de placas beta-amiloides, que são proteínas que se acumulam no cérebro de pessoas com Alzheimer.
  • Um ensaio clínico de fase 1, publicado no "Alzheimer's & Dementia: Translational Research & Clinical Interventions" em 2020, descobriu que o CBD é seguro e bem tolerado por pessoas com Alzheimer.

Embora ainda sejam necessários mais estudos, o CBD tem um grande potencial como um tratamento para a doença de Alzheimer. As propriedades anti-inflamatórias, antioxidantes, neuroprotetoras, ansiolíticas e antidepressivas do CBD podem ajudar a melhorar os sintomas da doença e a retardar sua progressão.

Fontes:

More articles

Comments (0)

There are no comments for this article. Be the first one to leave a message!

Leave a comment

Please note: comments must be approved before they are published